• arqrobertacechin

Como o minimalismo pode ser sustentável e tornar nossas vidas mais saudáveis

Atualizado: 14 de dez. de 2021

O fenômeno do minimalismo, como prazer do desapego, foi difundido pelos escritores Joshua Becker e Joshua Fields Millburn e Ryan Nicodemus, autores do documentário Minimalism: A Documentary About the Important Things ("Minimalismo: um documentário sobre as coisas que importam", em tradução livre), que retrata a vida de pessoas que vivem apenas com o essencial.


O minimalismo é um comportamento que torna pessoas mais importantes que as coisas que elas têm. Demonstra como o SER é mais importante que o TER.


A pandemia nos trouxe um novo olhar sobre nossas vidas e o sobre o que realmente importa para nós. A transformação minimalista da nossa casa se torna uma transformação de nós mesmos quando deixamos que ela mude nosso futuro. Consumindo menos, adquirindo menos objetos, brinquedos, eletrodomésticos, roupas temos a oportunidade de utilizar estes recursos SENDO pessoas melhores, viajando mais, adquirindo conhecimento e experiências que podem nos transformar e transformar nossas famílias.

O minimalismo tanto quanto a sustentabilidade se baseia no tripé: trazer benefícios SOCIAIS, AMBIENTAIS E ECONÔMICOS.

Sociais: tendo menos coisas, adquirindo menos objetos temos mais tempo e energia para compartilhar experiências, viajar com mais liberdade, se engajar em projetos voluntários e sociais.

Ambientais: o impacto ambiental do consumo desenfreado e da busca por possuir a maior casa, ter o melhor carro já provou as suas consequências ao meio ambiente. Consumir menos, morar em um lar somente com os espaços de que realmente necessitamos para viver em família, trabalhar e ser feliz reduz nossa pegada de carbono no planeta terra. Consumir menos gera menos lixo, menos energia gasta na fabricação de produtos e bens não duráveis.

Econômicos: Os impactos econômicos talvez sejam os que realmente fazem a diferença ou podem desencadear em muitas famílias o minimalismo no pós pandemia, consumir menos, vender itens dos quais não precisa por um valor menor estimula a economia circular, o reaproveitamento e evita o descarte nos aterros sanitários.

BENEFÍCIOS DO MINIMALISMO

Já pensou quanto tempo gastamos limpando e organizando a casa?

Utilizamos e desejamos produtos de limpeza com elementos químicos que nem conhecemos, com altos índices de VOC'S (Compostos voláteis orgânicos- considerados poluentes perigosos, sendo que alguns deles são tóxicos e carcinogênicos. Sua inalação pode produzir efeitos adversos e diretos na saúde humana, principalmente a exposição em concentrações elevadas e por um longo período de tempo).

Consumimos mais produtos do que necessitamos, moramos em casas maiores do que conseguimos ocupar.

COMO FUNCIONA O PROCESSO DE MINIMIZAÇÃO:

  • DOAÇÃO

  • VENDA

  • DESCARTE ou RECICLAGEM

O processo de minimização nos traz a consciência do consumo, nos trazendo as seguintes reflexões:

  • De onde veio este produto?

  • Como ele foi fabricado?

  • Ele é bom para o meio ambiente?

  • É durável?

  • Eu preciso mesmo dele?

  • Quantas utilidades e benefícios ele trará para minha vida?

Muitas famílias, assim como a nossa, utilizam o processo de minimização para ganhar espaço e ressignificar suas casas, suas vidas, seu modo de consumir e de viver.


O que transmito para minha família e meus amigos com esta casa? Nossa casa é o reflexo de quem somos e de como vivemos e interagimos com o mundo, portanto precisamos trazer significado ao nosso lar assim como a nossa vida. Eu acredito que a minimização, signifique mais do que jogar coisas fora, a MINIMIZAÇÃO significa dar sentido e importância aos seus hobbies, a sua convivência famliliar, ao seu espaço de descanso, de preparo e consumo das refeições, de higiene.

A MINIMIZAÇÃO significa olhar para dentro de si e do seu lar e perceber o que realmente importa. "LIMPAR" o ruido e a poluição visual e "ENXERGAR" o que te traz bem estar, paz de espírito e amor dentro do seu LAR e da sua VIDA.


" Preocupe-se com o que as outras pessoas pensam e você será prisioneiro delas" LAO TZU

MINIMALISMO E SUSTENTABILIDADE

O minimalismo impacta diretamente em diferentes fatores de construções e ambientes sustentáveis, tais como:

QUALIDADE INTERNA DO AR: Minimizar a quantidade de produtos de limpeza, usar produtos mais naturais reduz a toxicidade do ambiente, colaborando para a qualidade de do ar.

QUALIDADE DO AR EXTERNA: minimizar produtos de limpeza e higiene que contenham substâncias químicas ou aerosol que comprometem a camada de ozônio.

GESTÃO DE RESÍDUOS: Produzir produtos de limpeza com restos de frutas reduz a quantidade de resíduos gerado.

MINIMIZAR o uso de REMÉDIOS e optar por melhorar nossa nutrição: " que o teu alimento seja o teu remédio".

MINIMIZAR NOSSA CASA PARA TORNA-LA MAIS EFICIENTE E FUNCIONAL

COZINHA

Minimizar eletrodomésticos e manter somente aqueles de que realmente precisamos ajuda a economizar energia, menos armários melhora a iluminação natural ao eliminarmos armários aéreos.

"Cozinhar e comer podem ser necessidades humanas básicas para a sobrevivência, porém, ao abrirmos espaço para as pessoas em nossas cozinhas e locais de refeição, exaltando os relacionamentos ao expandir a todos a oportunidade de dar e receber amor". JOSHUA BECKER- A CASA MINIMALISTA

HOME OFFICE

Minimizar o home office pode trazer mais foco e menos stress, reduzindo o nosso tempo de trabalho e proporcionando maior qualidade de vida.

Trabalhe com propósito.

" O PRIMEIRO PASSO PARA CRIAR A VIDA DE QUE VOCÊ QUER É SE LIVRAR DE TUDO AQUILO QUE VOCÊ NÃO QUER". JOSHUA BECKER- A CASA MINIMALISTA

Já pensou em quanto tempo gastamos arrumamos e guardando coisas de que não precisamos, não usamos e não queremos?

Quando projetamos, nós arquitetos nos focamos nas necessidades dos nossos clientes e das pessoas que irão utilizar o espaço, focamos no que irá trazer os reais benefícios de bem estar, saúde, conforto e praticidade para os usuários, ISSO É MINIMALISMO. Um ambiente onde cada item, cada centímetro, metro tenha a sua função, o seu propósito.

Criar a consciência do minimalismo em nossa casa, ensina, educa e ajuda a criar uma geração que gere menos lixo, consuma menos e viva melhor.

PENSE NISSO!


#designbiofilico #interiores #arquiteturainteriores #sustentabilidade #arquitetura #biofilia #interiordecor #saude #health #SAUDE #ambientessaudaveis #projetodearquitetura #escritoriodearquitetura #minimalismo #minimalista #movimentominimalista #joshuabecker #acasaminimalista #minimalista #estilodevidaminimalista


121 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo